quinta-feira, 30 de outubro de 2014

Vídeo: Como se tornar um ilustrador?



Ahhhhh...

Confesso que ando com uma preguiça enorme de postar aqui no blog.

Na verdade, ando com uma preguiça geral das "redes sociais". Talvez tenha sido essas eleições que encheram a timeline com comentários no mínimo desagradáveis, tornando tudo isso muito cansativo. Muitas vezes penso em deletar o facebook, e aí eu lembro que tenho duas páginas pra cuidar e essa ainda é a melhor forma de divulgar meus trabalhos e conseguir alguns freelas.

Pois é, não tem muito o que fazer. Estou tentando não ficar muito tempo por lá, pra não consumir muito chorume, mas tempo o suficiente pra montar algumas postagens, atualizações, e responder os comentários de geral que vem falar comigo.

Mas se tem uma coisa que não me canso nunca de fazer são os vídeos pro canal do Youtube. Eu gosto muito de gravar e ficar editando e tal. Faz tempo que não monto um tutorial bacana, mas culpe a preguiça e a falta de ideias boas. Enquanto isso, faço vídeos respondendo as maiores dúvidas que vocês me mandam. Eu gostaria de ter uma resposta mais clara sobre as coisas, mas o fato delas serem tão subjetivas é o que torna "ser artista" tão gostoso. O não saber, o desconhecido. Se eu quisesse uma vida totalmente planejada, segura e estável, eu com certeza estaria fazendo outra coisa. Isso não quer dizer que não seja possível ter uma vida estável, com um futuro planejado (e ryco), mas acho que isso depende do caminho que tomamos em determinado momento e da vida que escolhemos pra nós. Sou uma mente inquieta e nunca estou satisfeita com os "modelos prontos" do mercado de trabalho, dos escritórios fechados, do horário fixo, como se existisse uma regra para a criatividade ou para a produtividade criativa. Por isso, hoje penso que ser freela é a melhor opção para mim como ilustradora, e eu nunca fui tão feliz profissionalmente. Então pra mim faz sentido um modelo de trabalho que me permita ter mais liberdade para ir além.

E ainda assim, esta sou eu. Nem todo mundo se sente como eu, e eu sei que muita gente perde o foco quando não tem uma rotina fixa e prefere o ambiente coletivo, se sente mais motivado. Confesso que a parte "coletiva" é a que faz mais falta, mas eu compenso essa parte conversando online mesmo e/ou fazendo passeios no meio da semana com outros amigos desocupados com horários de trabalho alternativos. Sem contar que agora posso me dedicar aos projetos pessoais, como por exemplo a side-story da Suzana (já leu a prévia?).

Bom, chega de bla bla bla e vamos ao que interessa: como se tornar um ilustrador? Não existe caminho fácil ou rápido. Geralmente é um caminho de aprendizado de uma vida inteira, e você nunca vai ser tão bom como gostaria. Existe muita gente melhor que você, então qual o seu diferencial? Assista ao vídeo, e se ainda tiver alguma dúvida, deixe nos comentários ;)

Comentários
1 Comentários

Um comentário:

  1. No fim cada um traçará o caminho de um jeito, se persistirem. :)

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...