segunda-feira, 28 de julho de 2014

Música para sentir [muito]

Confesso que não vou muito em shows. A maior parte da razão é porque sou viadinha e tenho medo da multidão, e a outra parte é porque é caro (e eu não pago mais meia...). Mas o Sesc estava fazendo um festival muito bacana (e barato!) e acabamos indo em um na semana passada. Eu não conhecia as duas bandas que tocaram. A primeira, brasileira, se chamava Huey e fazia um rock bem pesado (me perdoem, mas não sei direito classificar o estilo musical). Se tem um bom momento para curtir uma música pesada é num show, porque tem toda a vibração dos instrumentos, e o local era pequeno e bem espaçoso (não tinha muita gente, e nem era treta). Depois entrou o Dub Trio, uma banda americana, que apesar do visual "engomadinho", era muito boa, e fazia um som grave que - como diz um amigo meu - fazia "coceira no coração". Vibrava por dentro, sabe. Estava tudo muito bacana mesmo, quando eles começaram a tocar essa música que, quando percebi, estava de olhos fechados embarcando numa good trip daquelas. Só não chorei porque me segurei. Tinha muito feeling, tinha algo que tocava bem lá no fundo.... não sei explicar. Acho que essa música fez minha noite e me lembrou que preciso frequentar shows mais vezes nessa vida.

Por mais que não seja ao vivo, recomendo que escute essa música o mais alto que puder (se precisar, com fones de ouvido), e talvez - TALVEZ - você consiga chegar perto do que senti naquele dia.

Comentários
2 Comentários

2 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...