quinta-feira, 9 de janeiro de 2014

As melhores leituras de 2013

Nunca passei tanto tempo no transporte quanto em 2013, mas em compensação foi um ano muito produtivo para leituras! Claro que a gente sempre pode ler mais, e muitas vezes a preguiça impera... mas selecionei alguns dos meus livros favoritos do ano passado com alguns comentários:


(imagem tirada do meu Instagram)

A culpa é das estrelas - John Green

Este foi definitivamente meu livro preferido de 2013! Ele é lindo, emocionante, trágico, hilário, tudo na medida certa. O autor tem um jeito descontraído de narrar a história, nos livrando de todo o sentimentalismo exacerbado, mesmo com um tema tão delicado como o câncer. Estou esperando ansiosamente pelo filme!!

Ps. John Green virou meu autor queridinho e já estou lendo outras obras dele como Cidades de Papel, Quem é você, Alaska?, e Deixe a neve cair, que ele escreve com outros 2 autores.



(imagem tirada do meu Instagram)

O oceano no fim do caminho - Neil Gaiman

Não tem muito o que falar sobre esse livro, afinal, estamos falando de Neil Gaiman né? Sou fã de Sandman, mas nunca tinha lido uma narração dele, e não me decepcionei nem um pouco. Sua narrativa surreal mexe com nossos âmagos e nos faz entrar nas nebulosas lembranças de infância, nos perguntar o que de tudo aquilo é de fato real.


O retrato de Dorian Gray - Oscar Wilde

Estamos falando de um clássico. Já conhecia a história mas nunca tinha lido o livro. Não é a toa que na época ele tenha sofrido tanta crítica e censura, é uma trama bem ousada até mesmo para os moldes atuais, e apesar dos discursos intermináveis e melodramáticos sobre conceitos como a "beleza ideal", é uma história que reflete a sociedade da época, suas hipocrisias e anseios.



(imagem tirada do meu Instagram)

A insustentável leveza do ser - Milan Kundera

Fiquei um tempo pensando em porque gostei tanto desse livro, sendo que ele me deixou ligeiramente deprimida depois de terminar. Acho que é sobre o peso que carregamos durante nossas vidas, e não importa o que façamos, ele sempre está alí presente. Quase como se estivéssemos fadados a carregá-lo. E também sobre como nossas vidas estão interligadas, de forma que nem mesmo imaginamos...





Orquídea Negra - Neil Gaiman e Dave McKean

Imagine a combinação de um excelente roteiro com uma arte magnífica. Acho que não poderia definir melhor essa HQ, que é uma explosão de cores e formas, e a cada página que você vira, fica maravilhado, olhando para ela por minutos a fio. Não bastasse isso, é também a melhor história sobre super-heróis que já li. E eu nem curto muito super-heróis. Gente, outro nível.


E vocês? Quais foram seus livros preferidos?


Comentários
6 Comentários

6 comentários:

  1. Vc leu bastante em 2013!! To até com vergonha... eu só li livros didáticos e apostilas de japonês e guias de tudo quanto é coisa! O único romance que comprei foi 1222 e nem li ainda! rsrs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também vale!! Rss
      Eu leio bastante romance pra alimentar a criatividade ;)

      Excluir
  2. Sinceramente, o unico livro que li em 2013 foi "Percy Jackson: O Ladrão de Raios", que eu gostei bastante. rs Foi um livro suave, e gostoso de se ler, na minha opinião. Eu até comprei "A culpa é das estrelas" no final de 2013, mas comecei a ler ele agora em 2014. E estou amando! Nem preciso comentar sobre ele, pois você já disse tudo! haha xD
    Só não comprei mais livros, pois eu sou um colecionador de mangás apaixonado, então eu meio que reservo metade, ou mais, do meu salário, apenas para mangás. rsrs ♥ Devo ter comprado entre 100 e 200 novos volumes de mangá em 2013... Faz bastante tempo que não conto minha coleção, mas baseando-me na ultima contagem, creio que já devo ter atingido por volta de 600 volume de mangás, nesses 4 anos em que coleciono. rs
    E a propósito, Mary. Você costuma comprar/ler mangás? :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu lia muito mais mangá antes, mas a maioria pela internet mesmo, porque os que eu queria ler não tinham sido lançados por aqui. Alguns sairam e pude comprar, mas nem todos porque as historias grandes demandam muito investimento e as vezes param no meio, deixando a série incompleta.
      Hoje em dia tenho lido beeem menos.. as vezes tenho a sensação de que já li tudo o que era legal hahah... e também não tenho paciência pra prosseguir uma leitura que não me instigou desde o começo, então vou desistindo da leitura.
      E puxa, que mega coleção! Eu devo ter em torno de 150 mangás em casa, mas são da época que colecionava mais.

      Excluir
    2. Entendo perfeitamente! Tenho acompanhado séries longas cada vez menos, mas felizmente, tem saído cada vez mais mangás curtos, pelas ''mãos'' da JBC, Newpop, e Nova Sampa. inclusive, a Panini estará lançando agora em Janeiro (ou em Fevereiro, já que ela costuma atrasar rs) o primeiro Shounen-Ai do catálogo dela: o "Full Moon, Sussurros sob a Lua Cheia" de apenas 2 volumes. É um mangá de 1998, mas a Panini lançará a reedição de 2009, que vem com uma história extra. Irei conferir esse lançamento por ser curto, e para conhecer melhor o gênero. ^^
      E, felizmente, tem saído cada vez mais mangás do demográfico "Seinen" por aqui. Se tem um demográfico que até hoje, não deixou de me surpreender, é o Seinen. rs Mas também gosto bastante de Shoujo, e Josei. ^^ Ao menos comigo, essa sensação de que "já li tudo o que era legal" fica mais com os Shounens de "porrada", embora eu ainda dê chances a mangás desse demográfico. rsrs
      Ah! E muito obrigado pelo mega coleção! Estou me esforçando para alcançar meus amigos que já passaram dos 5mil volumes a algum tempo. rsrsrs xD

      Excluir
  3. Minhas leituras preferidas foram todas em quadrinhos: O Maravilhoso Mágico de Oz, Habibi, A Busca/ Segredo de Família e Crônicas de Jerusalém!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...