quarta-feira, 7 de agosto de 2013

Materiais de desenho II - canetas

Decidi montar um post bonitinho falando sobre... canetas!

Eu tenho tipo, uma mega coleção de canetas que vou comprando e testando, mas basicamente, uso as canetas nanquim descartáveis (as famosas "canetas técnicas") que se encontra em qualquer papelaria. Também gosto das canetas porosas, de ponta fina, principalmente da marca Stabilo (mancada minha que esqueci de colocar na hora de tirar as fotos, sorry!)

Primeiro, separei as canetas por tipos:

1. Tipos


Dividi minhas canetas nestes grupos principais, dos quais vou explicar melhor abaixo. As marcas variam muito (eu já testei muita coisa e estas são as minhas preferidas). Não tenham medo de arriscar mesmo em marcas como Bic ou Faber Castell, porque eles tem coisas bem legais que podemos aproveitar dependendo do resultado que queremos num desenho.


2. Nanquim/técnica


São básicas para finalização e desenhos. Tem várias espessuras (da mais fina 0,005mm a mais grossa). Marcas legais: Staedtler e Unipin (minha preferida!)


3. Canetas pincel


É tipo isso: elas são canetas mas são pincéis também! A ponta delas é molinha e tem formato de pincel, ou seja: dá pra criar diversas nuances de espessuras no traço. Bem legal para preencher espaços ou sombrear.
Essas da foto são tipo um kit da Faber Castell para canetas "de mangá". Não entendi a lógica deles porque o kit vem com canetas técnicas de espessuras diferentes e com canetas-pincel em escalas de cinza (foto).
Marcas: Faber Castell, Prismacolor, Tombow


4. Traçado


Aqui mostrei o traçado que os diferentes tipos de caneta fazem. A Unipin tem um traço reto e uniforme. O marcador Bic tem o traço uniforme e grosso. A caneta pincel prismacolor e a caneta pincel Tombow tem bastante nuance de traço e espessura, com a única diferente da espessura do pincel.


5. Transparência


Nesse exemplo, coloquei a Posca que é bem concentrada e cobre o papel totalmente de preto, diferente da hidrográfica da Faber que tem mais transparência e permite sobreposições. O marcador permanente não é tão consistente quanto a posca e nem oferece um preto "tão preto" LoL


É isso!
Espero que tenham gostado de mais um post sobre materiais. Eu com certeza me diverti fazendo! Ah, e não esqueçam de sugerir mais posts sobre isso. O que vocês gostariam de ver por aqui?

Comentários
3 Comentários

3 comentários:

  1. Adorei o post, Mari, espero que um dia você faça uma matéria sobre o seu estilo de pintura :]

    ResponderExcluir
  2. Onde você compra seus produtos?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Casa do Artista, O projetista, Fruto de Arte e em algumas papelarias maiores. As canetas nanquim são chamadas também de caneta técnica e você encontra mais fácil. Já as canetas pincel você encontra em lojas mais especializadas.

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...